sexta-feira, dezembro 22, 2006

TriFil entrega mais 30 cestas ao plantão social da SAS

A Empresa de Confecções TriFil, sediada em Itabuna, entregou na manhã de quinta-feira, 21, outras 30 cestas básicas para o Plantão Social da Secretaria de Assistência Social de Itabuna (SAS), na sua sede fabril, localizada no bairro Campo Formoso, na zona Oeste da cidade.

Das 30 cestas entregues na oportunidade, 10 foram repassadas ao abrigo São Francisco representado, no ato de entrega, por Denise Maria da Hora. As cestas restantes ficaram sob a responsabilidade da Secretaria que fará a sua distribuição entre famílias carentes cadastradas no seu plantão social.

A doação, de acordo com o diretor da empresa, Antônio Bueno, é uma das ações que a empresa desenvolve na área social do município, que visa retribuir à comunidade itabunense um pouco do que a empresa retira em forma de força de trabalho e de lucro, na venda de seus produtos, reiterando a responsabilidade social da TriFil com os municípios onde possui unidades fabris.

Bueno lembrou também que, além das cestas básicas que são doadas mensalmente, a empresa atua em outras áreas, como a de educação, apoiando projetos culturais e educativos da Secretaria de Educação e Cultura e projetos de ambientais, como a entrega de recipientes para o recolhimento de lixo, e de preservação das margens do rio Cachoeira, junto à Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente (Seduma).

“É uma forma de mostrarmos para a comunidade que conhecemos as dificuldades que enfrenta e que estamos participando de ações para minimizá-los, dentro do possível”, assegurou o diretor. A secretária de Assistência Social, Sandra Neilma, que recebeu das mãos de Bueno as 30 cestas básicas, também elogiou a iniciativa da empresa e convidou outros empresários locais para que sigam o exemplo e ajudem a população mais necessitada.

Em seu agradecimento, Sandra Neilma disse que é muito bom ver que empresas do porte da TriFil, ajudando a administração pública a minimizar as mazelas da população mais carente, exemplo que deveria ser seguido por outros empresários de nossa cidade, em especial neste período natalino, onde o apelo à solidariedade e ao sentimento de fraternidade é maior.

Complemento - Outro empresário que atendeu aos apelos da secretaria e decidiu dar a sua colaboração para a complementação das cestas, que foram entregues pela empresa TriFil, foi o diretor da empresa Moinho Grapiúna, José Erailton da Gama, que contribuiu com dois fardos de pacotes de café da marca Lavoura, manufaturada e distribuída pela empresa.

Erailton lembrou que é importante a participação nestas ações assistenciais, sempre que possível, pois, embora não haja lucro financeiro para a empresa, há uma recompensa ainda maior que é o reconhecimento social que esta recebe o que, muitas vezes, pode representar muito mais que o ganho financeiro.

Ações como esta têm um custo baixo para as empresas e um alcance social muito grande, lembrou Erailton, que acredita no trabalho que a SAS vem desenvolvendo e, por isso, resolveu dar a sua cota de colaboração. “Sei que não é muita coisa, mas se cada um de nós fizer um pouquinho, a coisa atinge patamares inimagináveis e pode atingir os objetivos traçados de melhoria da qualidade de vida de uma população que está muito sacrificada”, concluiu. (Fonte: Ascom de Itabuna)