terça-feira, dezembro 05, 2006

Câmara aprova instituição do Dia da Família e novos nomes de ruas

O prefeito de Itabuna, Fernando Gomes, sancionou a Lei 2.019/06, aprovada pela Câmara Municipal de Itabuna que institui no terceiro domingo do mês de agosto, o Dia da Família. Segundo a nova lei, o Poder Executivo Municipal, através das secretarias de Saúde, Educação e Cultura e Assistência Social, juntamente com a Câmara Municipal promoverá neste dia ações como debates, manifestações públicas, reflexões, cultos ecumênicos e outras atividades visando destacar a importância da família como alicerce da sociedade.

Outro projeto sancionado pelo prefeito foi, segundo o secretário Paulo César Fontes, a Lei 2.015/06, que autoriza o Executivo a doar um terreno de 105 metros quadrados, na rua Quintino Bocaiuva, na área central da cidade para o Grupo de Apoio à Prevenção da Aids - Gapa, uma entidade não governamental sem fins lucrativos, que desenvolve na comunidade um trabalho de prevenção de doenças sexualmente transmissíveis, implantar a sua sede social.

No elenco de projetos aprovados pelo Legislativo, o prefeito sancionou a Lei 1.991, que denomina de Travessa Alfredo Benevides, a Travessa Getúlio Vargas, no bairro do Banco Raso; a Lei 2002, que denomina de praça Candinha Dórea, a praça EF, do bairro Castália; a Lei 2010, que muda a denominação da rua Cristinópolis para rua Adelindo Kfoury Silveira; além da Lei 2.011, que denomina de travessa Luiz Carlos Mendonça (Pai Mendonça), a principal via pública do loteamento Ruffo Cunha. A referida artéria interliga a avenida Juracy Magalhães à rua A, na lateral direita do Hospital Manoel Novaes.

Já a Lei 2.016, também sancionada pelo prefeito, denomina de rua Jequitibá a via pública principal, também conhecida como rua I, no bairro Jardim Vitória, nas proximidades do Jequitibá Plaza Shopping e a Lei 2.018, que dá nome do Frei Joaquim Camelli à rua Santa Maria, que interliga o bairro São Pedro ao Maria Pinheiro.

O secretário Paulo César Fontes explica também que, em função da aprovação das leis que alteram a denominação dos logradouros citados, o Poder Executivo vai determinar ao setor competente da administração municipal a confecção e colocação de placas indicativas com a nova denominação e ao mesmo tempo comunicar a mudança à Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos e demais órgãos interessados. (Fonte: Ascom de Itabuna)