quinta-feira, novembro 09, 2006

Dia de Campo espera público superior a 600 pessoas

Já está definida a programação para o Dia de Campo que acontecerá na próxima segunda-feira, 13, no Ribeirão Seco, próximo à BR-101, sentido Itabuna/Buerarema. A programação foi definida durante um encontro na última terça-feira, 7, no Escritório Local da Ceplac, em Itabuna, entre os organizadores do evento representados pela Prefeitura de Municipal, Sebrae, Ceplac, Banco do Brasil, Associação dos Pequenos Produtores da Região, Território Litoral Sul e Coopercentrosul. A expectativa é de que mais de 600 pessoas participem do evento, que já sendo considerado um dos mais movimentados e importantes realizados até agora nesse setor.

De acordo com a programação, o Dia de Campo será aberto a partir das 8 horas da manhã pelo secretário de Agricultura de Itabuna, Marcelino Oliveira, que fará um breve pronunciamento, seguido do técnico da Ceplac, Edvaldo Pinheiro de Santana, e do gerente do Banco do Brasil, Agência Grapiúna, Henrique Tadeu. Às 9 horas serão realizadas diversas sessões técnicas e, logo após, será iniciada uma série de palestras. A primeira delas, sobre o “Cultivo e produção da pupunha”, será feita pelos técnicos da Ceplac, Maria das Graças Parada e Ismael Rosa. “O cultivo e produção de mandioca de mesa” é o tema da segunda palestra a ser proferida pelos técnicos Mauto Diniz, da Embrapa, e Jorge Bahia, da Ceplac. O último tema a ser debatido, “Beneficiamento do palmito e mandioca de mesa”, terá como palestrantes Raimundo Mororó, da Ceplac, e Carlyle Matos, da Emarc de Uruçuca.

A programação tem continuidade à tarde com várias atividades esportivas e culturais que incluem, ainda, exposição e uma feira de produtos da Agricultura Familiar, além de uma partida de futebol entre as equipes do Ribeiro Seco e Morumbi, no final da tarde.

O diretor da Ceplac e um dos organizadores do evento, Edvaldo Pinheiro, informou que, em meio a essas atividades serão realizados diversos sorteios para os participantes. Ele disse que, além dos pequenos produtores da região, também participarão do Dia de Campo alunos dos cursos técnicos da Emarc de Uruçuca. “Não tenho a menor dúvida de que este será um dos mais importantes acontecimentos já realizados na área de agricultura, não apenas pelo número de participantes como também pela extensa programação que foi elaborada cuidadosamente”, assegurou.

A área onde acontecerá o evento já vem sendo preparada com toda a estrutura necessária para receber os participantes. Além de barracas padronizadas para a realização da feira de produtos agrícolas e exposição, também estão sendo montados oito estandes onde serão realizadas palestras.

Trabalho em conjunto - O diretor do Departamento de Agricultura e Associativismo da Secretaria de Agricultura de Itabuna, Anderson Lessa de Santana, reafirmou que a programação para o Dia de Campo foi preparada com bastante antecedência e contou com a participação e sugestão de todos os envolvidos, inclusive com a representante dos pequenos produtores, Lucimara Carvalho dos Santos. “Eu também acredito que este será um grande e importante evento para nossos pequenos produtores, porque eles vão poder conhecer novas técnicas, os avanços e ainda tirar dúvidas sobre a produção, beneficiamento e comercialização dos dois principais produtos cultivados naquela região: a pupunha e a mandioca”, afirmou o diretor.

Anderson disse que essa ampla discussão em torno do cultivo desses produtos servirá de base para que os agricultores da associação regional tenham uma noção básica e melhor experiência para a Agroindústria que será implantada naquela região a partir da primeira quinzena do próximo ano. A implantação da indústria de beneficiamento de pupunha e mandioca só será possível, ainda segundo Anderson, graças ao convênio firmado entre a Secretaria de Agricultura de Itabuna, Ministério do Desenvolvimento Agrário e o Território Litoral Sul. (Fonte: Ascom de Itabuna)